Pages

quarta-feira, novembro 21, 2007

Correr é momento de reflexão...


NO QUE VOCÊ PENSA ENQUANTO CORRE???

Hoje saí do trabalho e fui até a CORPORE devolver o chip da prova da Nike. Pois é, o bendito chip ainda estava comigo, e como uma boa brasileira, deixei para entregar no último dia!! Se não entregasse hoje ia receber um boletinho em casa, com o valor de R$ 20,00 para pagar.

Enfim, sai de lá voando e fui para USP. Já sai cedo de casa, com planos de correr após o trabalho, já que não tinha conseguido madrugar para um bom treino.

Acabei pegando trânsito (pra variar) e consegui chegar na USP às 18hs. Por causa do horário de verão ainda estava bem claro e tinha bastante sol.

Me troquei rapidinho, no carro mesmo. E comecei meu treino. Eu estava com uma ânsia tão grande de correr hoje, que no trabalho já tinha planejado o trajeto que ia fazer. Pensei em subir a rua da Biologia (treinar um pouco de subida) e completar um percurso de 7 km. Mas comecei a correr e quando encarei a Biologia, lembrei na hora da última vez que estive lá: VOLTA DA USP... Aquela prova que me fez passar muitaaaaa raiva e calor.

Aí pensei, hoje é o dia da vingança! Mudei de planos e resolvi completar o percurso desta prova. Foi fantástico. Acho que nunca subi tão bem a rua do Matão. Claro, trotando, mas bem... O dia estava ótimo para correr! A brisa estava bem fresca e suave. Maravilhoso!

O gás que não consegui dar na subida eu compensei na descida da rua do Lago. Não canso de dizer que amo descida. Sei que acabo forçando mais o joelho.. não é bom..., mas EU ADORO!!!

Terminado a rua do Lago, o treino ficou mais gostoso. Me deu vontade de correr mais e mais. A temperatura estava agradabilíssima!

Fui correndo e pensando em inúmeras coisas. Comecei a refletir nas coisas que me vem a mente quando estou correndo. Nossa, como eu viajo quando corro. Penso em tanta coisa diversificada que até eu fico admirada de como pode passar tanta coisa diferente na cabeça de alguém em tão pouco tempo.

Hoje por exemplo, lembrei daquele gostinho amargo de ter completado mal a VOLTA DA USP. Lembrei de outros treinos e risadas que já dei lá na USP.

Fora as coisas de trabalho que sempre me vem a mente, por incrível que pareça! Mas é bom... às vezes penso em coisas que não consegui resolver durante o dia e depois surgem milhares de idéias a serem feitas.

Por isso digo que correr me faz muitoooo bem! Sem dúvida AMO CORRER!

Enfim, completei o percurso (acredito que exatos 10km) em 1hora. Terminei super bem e com certeza correria muito mais se tivesse tempo.

Depois de duas semanas, amanhã retomarei os treinos na academia. Por causa da garganta e dos feriados fiquei todo este tempo parada.

Ah! Novidade de última hora. Sábado participarei de um Triathlon com uns amigos na cidade de Pirassununga. O Henrique vai pedalar na minha equipe, eu correrei e Tandaya da Playteam irá nadar. Depois conto essa experiência e posto as fotos!

E domingão tem 10km da prova da Samsung organizada pela CORPORE... vamos que vamos... esse mundo de corrida é sempre assim!!! Não para nunca! Sem descanso...

Infelizmente este ano não irei para Pampulha... gostaria MUITO de participar desta prova, mas por inúmeros motivos não será possível. Quem sabe no próximo ano.

Enquanto isso me contento em participar por aqui mesmo!

5 comentários:

Flavio Hernandes disse...

Uau!! Triathlon???!!!
Agora ninguem te segura!

Parabens!

bjs.
Flavio

Micha disse...

e q maravilha...tão bom ir lá e refazer algo q não gostamos qdo fizemos anteriormente..vc está de parabéns..te admiro mto.


/(,")\\
./_\\. Beijossssssssss
_| |_.................

Jorge disse...

-------\\\\|/-------
------(@@)-------
-ooO--(_)--Ooo—
Olá Jacke muito legal essa questão que vc levantou no seu blog, parabéns!!!

E já que vc fez a seguinte pergunta aí embaixo vai a resposta, porém um pouco grande mais válida e espero que vc leia...rsss...

Muita gente corre pensando em milhares de coisas ou até ouvindo música, mais a questão que muitas pessoas não prestam atenção nas ruas, por exemplo uma vez aqui no RJ eu vi um acidente com um ciclista e um corredor, na hora que estávamos aquecendo para uma corrida que estava aqui na orla de Copacabana um corredor estava aquecendo com um outro corredor e os dois estavam conversando e nisso não viu o ciclista, conclusão o ciclista acabou atropelando esse corredor ainda bem que não aconteceu nada de grave, uma vez tentei fazer um longão escutando um mp3 eu achei horrível treinar assim, apesar que tem muita gente que gosta, por exemplo quando vc escuta música correndo vc fica imaginando muitas coisas que acabam esquecendo das pessoas, do trânsito e etc... que estão à sua volta e com isso pode até acontecer acidentes e na verdade já tem muitas corridas nos E.U.A. que proíbem corredores correr ouvindo músicas, quando eu treino eu procuro focalizar o treino para as competições, mais eu também penso em outras coisas e quando ocorrem competição eu procuro focalizar a corrida pensando positivo e concentrado para que saia tudo certo. Mais também quando eu treino as vezes eu reflito em várias coisas, por exemplo na vida, nas coisas do dia a dia que as vezes nós erramos e essa reflexão as vezes é boa para nós consertarmos as coisas erradas e também refletir no tão bom quanto a corrida é né.

Olha a questão do chip que vc falou que devolveu a CORPORE para não pagar R$20,00, vou te contar um caso que aconteceu comigo, em 2002 eu estava inscrito para a Meia Maratona Internacional do RJ, só que pintou uma viagem a svc do quartel para ficar 15 dias em Natal e eu tive que ir e não pude correr a Meia do Rio naquele ano, já tinha pegado até o Kit e naquele tempo muitas corridas quando vc ia pegar o kit a organização dava junto também o CHIP e acabou que não corri e acabei ficando com o CHIP e no regulamento dizia o seguinte quem não devolvesse o CHIP iria pagar uma quantia de cinqüenta prata, eu acabei não entregando o CHIP e eles não me cobraram o CHIP até hoje e já que não deu para correr eu resolvi transformar o CHIP em MEDALHA e coloquei junto com as outras no meu Quadro de Medalhas.

A questão que vc colocou sobre a mudança de treino na USP também é válida, pq está chegando a São Silvestre e lá terá uma subida terrível para muitos que é a Brigadeiro Luis Antônio né, também vc já sabe mais é sempre bom alertar, menina vc disse que gosta de descida, então tome cuidado hein, para não lesionar o seu joelho.

Ah legal vc participar do Triathlon que vai ter na Academia da Força Aérea em Pirassununga,já corri lá uma meia maratona em 2005, foi muito legal, pena que a Organização a www.ciadeeventos.com.br não faz mais essa meia maratona só faz o Triathlon e fiquei impressionado com a infraestrutura da organização, também lá tem uma feira de esporte, caramba eu nunca tinha visto isso tinha bike de triatlon custando o olho da cara muito cara mesmo...risos...vi bike lá custando R$22.000,00 reais, tinha muita gente participando dos triatlon short e long distance lá.

Desejo a vc e sua equipe que vão participar desse triatlon sorte, também desejo sorte para vc na prova da SAMSUNG, por enquanto só estou treinando.

E já que vc falou em PAMPULHA, a Revista Contra-Relógio junto com a YESCOM, sortearam inscrições para a VOLTA DA PAMPULHA E SÃO SILVESTRE e eu fui uns dos sorteados para a Volta da Pampulha.

Bons treinos

www.jmaratona.blogspot.com

Bjs

JORGE CERQUEIRA
RIO DE JANEIRO

Marildo Nascimento disse...

Jacke tudo bem?
Obrigado pela força...continua ajudando a gente que esta semana agora vai ser decisiva....
Valeu.
Continua treinando que na SS a gente vai se conhecer com certeza...é só vc reparar naqueles que vc vai estar ultrapassando que vc logo vai me achar...risos
Um grande abraço

andre_sdias@hotmail.com disse...

o que eu penso?

Ja tentei responder esta pergunta mas é impossivel. É uma mistureba de coisas que acaba não tendo um padrão de pensamento.

Tem vezes que consigo até resolver questões do trabalho em quanto corro. Mas é raro isto acontecer. Pra falar a verdade até no trabalho é raro.

Tem vezes que fico viajando com a paisagem. Basta ver algum detalhe por uma fração de segundos e o pensamento vai longe. Hoje ví uma pedra no caminho e cheguei a conclusão de que o melhor a fazer neste sabado a noite é uma pizza em casa.

E claro, ouvir o corpo, sentir a passada, identificar o ritmo ..mas acho dificil fazer tudo isto por muito tempo, fica facil começar a viajar novamente.

Não dá para viajar muito em treino de pista ou no final de um longão. Na pista penso mais na forma, na respiração...Ja no final do longão acho que não penso em nada, se é que isto é possivel. Gosto de ficar imendando um palavrão atraz de outro, descarregando sei la o que pra ver se fico com mais energia para chegar ao final.

Em fim, correr é uma viagem. É uma das razões por que é tão bom

Andre